quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Patinadora...

Se eu nunca tivesse andado de patins…
Se eu tivesse esquecido essa parte de mim e nunca mais tivesse calçado os patins nunca te teria encontrado!
Nunca teria saído para patinar e matar as saudades…e tu nunca me terias visto!
E se nunca me tivesses visto eu nunca teria caído aos teus pés mais uma vez…

Quando olhei para o lado e vi o teu rosto que há tanto tempo eu não via…
As palavras foram completamente desnecessárias quando me abraças-te e senti o teu aroma entrar na minha alma. A tua pele continua morena e o teu toque continua meu…
O teu sabor adoçidado na minha boca chega a ser cruel porque não é eterno, mas é irresistível...e mesmo que não fosse, tu sabes..sim, sabes que me entregaria a ele vezes e vezes sem conta, sem remorsos ou medos!
Enquanto sentia a tua língua deslizar na minha e o som das ondas preenchia o silencio que me enchia já não conseguia saber se era imaginação minha ou se os teus lábios estavam mais ternos…mais quentes…
O teu toque…o toque que quase esqueci, sentia-o agora em cada poro e sentia que os segundos passavam por mim e a minha vida estava entregue.
O coração que batia descontrolado no peito já não era meu, porque o compassado batia ao ritmo de cada movimento teu…

Se eu nunca tivesse andado de patins…
Nunca teria sonhado que voltei a patinar…
Se eu nunca tivesse andado de patins, e se nunca tivesse sentido a tua falta…nunca teria sonhado contigo…

2 comentários:

  1. Sonhos bons! E sonhos que se tornam reais...

    ResponderEliminar
  2. Ciganinha... Nada de sonhar mais com isto....
    Proibidooooooooooooooooo...
    E não vamos falar mais sobre isto...
    OK?
    Beijoooooooooooooooooooo

    ResponderEliminar